Uso de máscara em locais fechados volta a ser obrigatório em Itabira

Uso de máscaras volta a ser obrigatório em ambientes fechados em Itabira.

Diante do cenário de aumento do contágio da Covid-19 em Itabira, o prefeito Marco Antônio Lage determinou a volta da obrigatoriedade de máscaras de proteção respiratória em ambientes fechados no município. O Decreto nº 2681/22, assinado nessa quarta-feira (15), passa a valer a partir desta quinta-feira (16), após a publicação do documento no Diário Oficial do Município.

O decreto foi redigido com base em dados da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que alerta sobre o aumento significativo do número de casos de transmissão da doença por infectado (RT). O indicador em Itabira se mantém acima de 1,00, o que é preconizado como pandemia em aceleração.

A secretária municipal de Saúde, Clarissa Santos Lages, explicou que a medida é preventiva e ressaltou que não há motivo para alarde. “A decisão foi tomada para que possamos cuidar da nossa população e evitar o número de pacientes internados. Estamos com muitas pessoas procurando o Pronto-Socorro. Esse clima seco e frio faz aumentar o número de doenças respiratórias e também da Covid-19”, comentou.

A responsável pela SMS também ressaltou sobre a importância da vacinação contra a doença. “Temos avançado bastante na vacinação. Mas, mesmo assim, ainda temos pessoas não vacinadas e idosos que correm grande risco de contrair a Covid e ter uma complicação indesejada. Contamos com toda a população, principalmente neste feriado, para que usem máscara, álcool em gel e cuidem uns dos outros”, alertou Clarissa Lages.

Outro fator determinante para a volta do uso obrigatório de máscaras em locais fechados foi o aumento do número de pacientes internados em Itabira, tanto em enfermarias quanto nas unidades de terapia intensiva (UTIs). Boletim divulgado nesta quarta-feira aponta que 31.114 casos foram confirmados em Itabira desde o início da pandemia, com 388 óbitos. Atualmente, são oito pessoas internadas em enfermaria e cinco em UTIs, entre SUS e convênios. Há ainda um itabirano internado em outra cidade.

A obrigatoriedade das máscaras em ambientes fechados é válida, em todo o município, até o dia 30 deste mês. Após esse prazo, a situação será reavaliada. Em ambientes abertos, o uso de máscaras segue facultativo.

“A situação não é alarmante, mas preocupante. Há um aumento do número de contaminação muito grande na cidade e aumento também das internações de pacientes, inclusive em UTI. O decreto é válido por alguns dias, para atravessarmos esse momento com um controle melhor da Covid-19. Esperamos que a situação volte ao normal nos próximos 15 dias”, disse o prefeito Marco Antônio Lage.